De todos os Estados da Região Norte, Roraima foi o que mais cresceu
VÂNIA COELHO
Foto: Neto Figueiredo

Depois de anos de retração na criação de novos empregos, 2019 surge com um cenário mais positivo para o mercado. Após sete meses consecutivos de bons números na geração de empregos formais, setembro registrou o melhor resultado mensal até o momento: foram 605 novos postos com carteira assinada.

O Governo de Roraima tem contribuído para o cenário positivo, onde os empreendedores confiando, principalmente, no pagamento em dia dos servidores públicos, voltam a contratar. A marca da nova gestão tem gerado aumento da confiança entre os empreendedores.

De todos os Estados da Região Norte, Roraima foi o que mais cresceu. Conforme o secretário de Planejamento e Desenvolvimento, Marcos Jorge de Lima, houve aumento em relação ao ano passado. “No acumulado de janeiro a setembro de 2019, o saldo de empregos formais ficou positivo em 1.604 postos de trabalho. Valor bem acima do apresentado no mesmo período do ano passado quando o resultado ficou negativo em 293 postos”, ressaltou Marcos.

Ainda segundo o secretário, o trabalho continua e o objetivo é aquecer ainda mais os vários setores da economia. “Continuaremos trabalhando para estimular os diversos setores da economia que impactam diretamente na geração de emprego e renda. Não tenho dúvida de que esse é mais um indicador de que o governador Antonio Denarium está conduzindo o Governo do Estado no caminho certo”, garantiu.

Marcos Jorge ressaltou que com as obras que estão em curso e as que estão por ser iniciadas, haverá um aumento na oferta de vagas de trabalho. “Iremos gerar ainda mais empregos em 2019. No mês de setembro deste ano, a indústria da construção civil atingiu o topo das contratações, o que demonstra que as obras que estão sendo retomadas pelo Governo do Estado estão impactando diretamente na geração de emprego e renda”, disse o secretário.

Ele citou como exemplo, as obras do presídio de Rorainópolis, que tem previsão para ser entregue até abril de 2020, além da retomada da construção da sede do 1º e 2º distritos policiais em Boa Vista e em Caracaraí, além da conclusão da caixa d’água do Conjunto habitacional Cidade Satélite, inaugurada recentemente, além da construção do Grande Trauma do HGR(Hospital Geral de Roraima),da nova maternidade e do IML(Instituto Médico Legal) de Rorainópolis.

De acordo com dados da Seplan, houve um aumento acumulado em 2019 de 3,02% no número de empregos formais em Roraima, sendo o melhor resultado relativo de toda a Região Norte, que em média cresceu 1,98% neste ano.

Além de ser o que mais cresceu na a região, Roraima ficou acima da maioria dos Estados brasileiros, ocupando a 5ª posição dentre as unidades da federação, abaixo apenas de Mato Grosso (4,77%), Mato Grosso do Sul (3,80%), Santa Catarina (3,66%) e Goiás (3,36%).

Entre os municípios do Estado, Boa Vista foi o município que mais gerou empregos formais, com saldo acumulado no ano de 1.091 novos empregos. Em segundo lugar ficou Pacaraima, com 126 postos de trabalho, seguido por Cantá com 118 postos e Rorainópolis, com 100 novos postos de trabalho.

Comparando com o mês de agosto, houve um incremento de 119%. A construção civil foi o setor que mais gerou postos de trabalho em setembro, sendo criados 260 empregos, em segundo lugar ficou o comércio, com a criação de 231.

Outros setores que também apresentaram resultados positivos no mês de setembro foram serviços (73), agropecuária (18), indústria de transformação (18), extrativa mineral (9), e serviços industriais de utilidade pública (7).

E, com a aproximação das festas de fim de ano, surgem novas contratações de trabalhos temporários no comércio varejista.